Você está aqui: Início Imprensa Revezamento Volta à Ilha Asics traz novidades no trajeto em 2009

Revezamento Volta à Ilha Asics traz novidades no trajeto em 2009

E-mail Imprimir PDF

Os atletas que participarão do 14º Revezamento Volta à Ilha Asics, no dia 25 de abril (sábado), em Florianópolis, irão encarar novos desafios em relação à última edição, no ano passado. O trajeto foi ampliado de 13,3 para 15 km no trecho do Morro do Sertão do Peri, na Seção 19 (Sul da Ilha), o mais temido da prova por apresentar chão batido com uma subida íngreme. Além disso, um dos competidores de cada equipe terá que correr uma seção a mais, sem revezamento.

 

Em razão das obras de construção de um hospital na Base Aérea de Florianópolis, o posto de controle que permitia o revezamento dos atletas entre as seções 20 e 21 foi cancelado, ou seja, cada equipe terá que se organizar para que um atleta dobre o trajeto. De acordo com o organizador do evento, Carlos Duarte, a mudança não compromete o desempenho dos grupos: “Para o atleta preparado, o aumento do trajeto não deverá interferir no resultado final da prova. Cada equipe deverá decidir quem irá dobrar o percurso, correndo agora uma distância de 7,8 km”, observa o professor Carlos ao afirmar, ainda, que a prova já é conhecida por um atleta correr um trecho diferente do outro.

 

O roteiro da prova, disputada por 380 equipes, divididas entre 3.500 participantes, inclui mais de 20 pontos turísticos e praias da cidade. Em 150 quilômetros, o corredor e sua equipe atravessarão praias, dunas, estradas e outros desafios a partir do lado Oeste da Ilha. A atual equipe campeã do Volta à Ilha é a Paquetá Esportes Asics, de Porto Alegre, que já está inscrita na prova deste ano e busca o tetracampeonato. O recorde histórico da competição pertence ao Exército Brasileiro que, em 2002, completou os 155 quilômetros de corrida – distância estipulada naquele ano –  em 8h21min50s, ou seja, levou 3min14 para percorrer cada quilômetro.